Links

NOTÍCIAS


ARQUIVO:

 


MORRE LEONORA CARRINGTON, A ÚLTIMA SURREALISTA

2011-05-27




A pintora e escultura mexicana, de origem britânica, Leonora Carrington, faleceu no México D. F. aos 94 anos de idade.

Formada na Academia Ozenfant de Londres, Carrington entrou no surrealismo pela mão de Max Ernst, com quem teve uma relação. Durante a sua estada em Paris, conviveu com Miró, Breton, Picasso e Dalí e, em 1938, participou nas exposições surrealistas organizadas na capital francesa e em Amesterdão.

Antes do início da Segunda Guerra Mundial e da detenção de Ernst pelas autoridades francesas em 1939, Leonora instalou-se em Espanha, onde foi internada no hospital psiquiátrico de Santander devido às suas crises nervosas. Em 1941, fugiu do hospital e viajou para Lisboa, refugiando-se na embaixada mexicana. Posteriormente, emigrou para Nova Iorque e, finalmente, estabeleceu-se no México. Em 2005, recebeu o Premio Nacional de Bellas Artes daquele país.

Disponível em: www.masdearte.com