Links

Subscreva agora a ARTECAPITAL - NEWSLETTER quinzenal para saber as últimas exposições, entrevistas e notícias de arte contemporânea.



ARTECAPITAL RECOMENDA


Outras recomendações:

Prémio Navigator Arte em Papel


COLECTIVA
Chiado 8 Arte Contemporânea, Lisboa

Narrativas Fotográficas no Intendente


COLECTIVA
Casa Independente, Lisboa

Inflammatio


António Barros
CAPC - Círculo de Artes Plásticas, Coimbra

289


Colectiva
Associação 289, Faro

Building Stories


Ricardo Bak Gordon / MAIO / de vilder vink taillieu
Garagem Sul, León

A Mão na Coisa, A Coisa na Boca, A Boca na Coisa, A Coisa na Mão


João Pedro Vale + Nuno Alexandre Ferreira
Cristina Guerra Contemporary Art, Lisboa

Dark Forces 2004 / V 2018


Nuno Cera
Museu Nacional Grão Vasco, Viseu

Um crime que urge reparar


João Penalva
Culturgest (Porto), Porto

Contra a Abstracção – Obras da Coleção da Caixa Geral de Depósitos


Colectiva
Culturgest, Lisboa

A Light Home


Bárbara Bulhão e Elena Koycheva
OTOCO, Lisboa

ARQUIVO:

O seguinte guia de exposições é uma perspectiva prévia compilada pela ARTECAPITAL, antecipando as mostras. Envie-nos informação (Press-Release e imagem) das próximas inaugurações. Seleccionamos três exposições periodicamente, divulgando-as junto dos nossos leitores.

 


CHRISTOPHER DICKSON

CORRECTED IMAGINARY




O PALÁCIO
Praça do Príncipe Real 19


16 JUN - 24 JUN 2018


Inauguração: dia 16 de Junho, às 21h, na Praça do Príncipe Real 19

Curadoria de Da Luz Collective

Christopher Dickson (1983) é um artista escocês que estudou na Glasgow School of Art, onde obteve, em 2007, o mestrado em Pintura e Gravura. Desde então viveu e trabalhou em Berlim e em Nova York, continuando, para enriquecer as suas experiências, a viajar por outros países. Os fenómenos da viagem e do turismo, entendidos como mercadoria de compra e venda, são uma das principais influências na produção mais recente do artista.
Corrected Imaginary é a sua segunda exposição individual em Lisboa, tendo exposto no começo de 2016 na galeria MUTE – projeto de Manuel Furtado Dos Santos – no Príncipe Real.

A exposição vai decorrer em “O Palácio”, no Príncipe Real. Este espaço foi concebido por Andre Chedid, em outubro de 2017, como um espaço multifuncional e de experimentação dedicado à produção artística e criativa, por um período de 9 meses. Corrected Imaginary vai ser a última exposição a decorrer neste espaço antes da remodelação do prédio, no próximo mês de julho.

Em Corrected Imaginary, o ponto de partida do artista é o seu arquivo de imagens encontradas, nomeadamente cartões postais e livros que retratam paisagens e formações geológicas. As imagens, todas originalmente impressas em offset, são digitalizadas em alta resolução e transpostas para o mundo digital, onde são questionadas, cortadas, desfiguradas, dispostas em camadas e reorganizadas para criar um sentido de novo lugar. Um novo lugar que está em fluxo e potencialmente em (re)construção ou mudança nas mãos quer do artista quer dos outros intervenientes.

Datas e horários da exposição:
Domingo 17.06 a partir das 15h00 até as 21h00
Sábado 23.06 a partir das 15h00 até as 21h00
Domingo 24.06 a partir das 15h00 até as 21h00